Posts

Como diferenciar o beisebol do softbol

Verdadeiro ou falso: a única diferença entre o softbol e o beisebol é o tamanho da bola? Falso! Embora os dois esportes sejam muito semelhantes, existem várias diferenças importantes. Aqui estão elas:

    • Equipamento: Bolas. As bolas de beisebol tem 9 centímetros de circunferência. As de softbol tem 12 centímetros de circunferência. As de softbol também são menos densas que as beisebol. Além disso, as de beisebol são brancas, enquanto as de softbol podem ser brancas ou amarelo néon.
    • Equipamento: Bastão. Os bastões de beisebol tem no máximo 1 metro de comprimento, enquanto que os de softbol não podem ser maiores que 80 centímetros.
    • Duração do jogo. Um jogo de beisebol tem 9 períodos. Um jogo de softbol tem 7. Ambos têm um período extra em caso de empate no fim do último período. Os jogos de softbol muitas vezes são decididos por um “desempate internacional”. Neste modelo a última pessoa que saiu do período anterior (geralmente o último batedor) é colocada na segunda base para iniciar o turno. As regras variam de campeonato para campeonato, mas este modelo tem sido largamente adotado pelas comunidades de softbol.
    • Dimensões do campo. Um campo de beisebol tem 27 metros de base. Um campo de softbol tem 18. A distância da grade varia de campo para campo. Mas a grade não é um requisito para tais esporte.
    • Distância do arremesso. A elevação no beisebol tem 18 metros e 15 cm do home plate. A “elevação” do softbol é de 13 a 13 metros do home plate (dependendo se é escolar, universitário ou profissional). No softbol a “elevação” não é elevada, no beisebol ela é.
    • Estilo de arremesso. O arremesso no beisebol é por cima da mão, no softbol é por baixo, ou chamado de “cata-vento”. Na técnica cata-vento o arremessador deve começar com os dois pés sobre a borracha, e evitar saltar e / ou pular quando arremessa. O arremesso começa e termina no quadril. Um arremesso ilegal no softbol, onde o jogador pula, é chamado de “crow hop”. No softbol e no beisebol os lançadores podem utilizar o mesmo arremesso para a maior parte dos casos. Uma bola “knuckle” pode ser um pouco mais desafiadora para alcançar para o arremessador de softbol devido ao tamanho relativo da bola, mas isso pode ser feito. Um arremessador de softbol tem a opção de atirar uma bola verticalmente com base no movimento do arremesso. Esta altura não é possível no beisebol.
    • Atingido por um arremesso. No beisebol, um jogador ganha a primeira base a menos que ele / ela rebata ou não tente desviar do arremesso. No softbol, um jogador ganha a primeira base a menos que ele / ela se mova ou desvie intencionalmente para ser atingido. Esta regra tem uma certa ambiguidade e é amplamente baseada na interpretação individual do árbitro da “intenção” do rebatedor.
    • Roubo de base. No beisebol, você pode roubar a bola a qualquer momento que ela esteja em movimento. No softbol você só pode roubar quando a bola deixa a mão do arremessador e quando a bola está em movimento. Se o arremessador está no “círculo de pitching”, o corredor não pode se mover a não ser que o arremessador “finja”, ou faça um movimento que possa ser interpretado como “fazendo uma jogada”. O que define um “movimento” fica a critério do árbitro. Depois que um “movimento” é feito, o corredor pode tentar avançar, já que a bola é considerada “em movimento”.
    • Conduzindo. No beisebol, os corredores estão autorizados a conduzir em qualquer base. Isto significa que o corredor não tem que tocar a base enquanto o arremessador tem a bola. Após arremesso, no entanto, o corredor de beisebol deve retornar para a base para tocá-la. No softbol, o corredor deve tocar a base até a bola deixar a mão do arremessador. Se ela deixa a base mais cedo, ela está fora.
    • Como você pode ver, existem algumas boas diferenças entre os dois jogos. Tanto homens como mulheres podem desfrutar de ambos os esportes. Em alguns casos, as regras são modificadas para atender ao grupo que está jogando, por exemplo, no softbol slow-pitch algumas ligas adicionam um outfielder extra ou colocam regras contra roubar. Seja qual for o jogo, saia, se divirta e jogue!

Fonte: http://www.comofazertudo.com.br/

 

Giants Baseball Clinic 2015 | Clube Nipo

Yomiuri Giants ministra clínica de beisebol no Clube Nipo

Numa iniciativa para ajudar a promover o beisebol no Brasil, o time japonês Yomiuri Giants enviou o seu ex-arremessador, Masaki Hiraoka, com os técnicos auxiliares Shingo Kakishita e Kyouhei Uesugi, para ministrarem treinamentos em Brasília nesse último domingo (30/08) no Clube Nipo.

A turnê Giants Baseball Clinic 2015 também foi realizada em Cuiabá, Cáceres, Várzea Grande e Indaiatuba-SP. Aqui em Brasília, cerca de 50 crianças entre 8 a 14 anos, além de treinadores e atletas adultos participaram da clínica. Foi uma tarde de muita técnica, conhecimento e diversão para a criançada.

Yuji Izawa, coordenador geral do evento, explica que a vinda da clínica do Yomiuri Giants servirá para melhorar o nível do esporte em Brasília. “A vinda da clínica internacional de beisebol irá fomentar a prática desta modalidade esportiva em nosso estado. Será uma oportunidade única de reciclagem para atletas veteranos e treinadores, e servirá de motivação para as crianças que já praticam o beisebol.” – explicou Izawa.

A clínica foi aberta ao público e totalmente gratuita uma vez que o projeto foi financiado pelo governo Japonês, através do Ministério de Relações Exteriores do Japão.

Confira as fotos do evento aqui. (Crédito das fotos: Mitsuru Tanabe)

I Copa Taiyo de Beisebol Master - Hotel Taiyo - Caldas Novas | Clube Nipo

I Copa Taiyo de Beisebol Master

Entre os dias 27 a 30 de março de 2014 foi realizada com muito sucesso, a I COPA TAIYO DE BEISEBOL MASTER, categoria prevista para jogadores com 60 anos ou mais. Os jogos foram realizados no Complexo Poliesportivo TAIYO, reunindo as seguintes equipes: GIGANTES, COOPER, NIKKEY SANTO AMARO, REGISTRO, LONDRINA E BRASÍLIA. Após a disputa acirrada entre as equipes, o time de Brasília sagrou-se como a grande campeã da chave ouro, seguida pela equipe de Gigantes. Na fase classificatória, a campeã obteve os seguintes resultados: 1° Jogo: Brasília 2 x 3 COOPER; 2° Jogo: Brasília 4 x 1 Londrina; Semifinal: Brasília 11 x 4 Nikkey Santo Amaro e Final: Brasília 4 x 1 Gigantes. Assim, o resultado do Torneio foi o seguinte: Campeã da Chave Ouro: Brasília; Vice-campeã: Gigantes; 3ª colocada: Nikkey Santo Amaro; 4ª colocada: Londrina; Campeã da Chave Prata: COOPER; Vice-campeã: Registro. Os destaques individuais foram apurados através de índices técnicos, sendo premiados os seguintes jogadores: 3º Empurrador de carreiras: ANTONIO NAKAZAWA (LONDRINA); 2º Empurrador de carreiras: MILTON SHIBATA (GIGANTE); 1º Empurrador de carreiras: (JORGE KOBAYASHI (GIGANTE); 3º Melhor Rebatedor: HELIO NOMURA( NIKKEY STO AMARO) 50% de aproveitamento; 2º Melhor Rebatedor: HITOSHI KUMANO (GIGANTE) 50% de aproveitamento; 1º Melhor Rebatedor: HATASUKE MINOWA (BRASÍLIA) 50 % de aproveitamento; 2º Rei dos Quadrangulares: MILTON SHIBATA(GIGANTE) 1HR 1 ponto; 1º Rei dos Quadrangulares: ROBERTO MIYAZAKI(GIGANTE) 1HR 1 ponto; Melhor Out Field: AGOSTINHO SHIBATA – Brasília; Melhor In Field: MARIO HIRAMATSU – Brasília; Melhor Catcher: HATASUKE MINOWA – Brasília; Jogador Destaque Ouro: HITOSHI KUMANO – GIGANTE; Jogador Destaque Prata: TAKANOBU SHIRAISHI – COOPER; Melhor Pitcher: SHIGUETOSHI KODAMA – Brasília; Melhor Jogador: SHIGUETSOSHI KODAMA – Brasília; Técnico Campeão: MARIO YOSHIZAWA – Brasília.
Equipes e jogadores que se destacaram durante o Torneio foram premiados com troféus e medalhas pelo seu belo desempenho.

Outra novidade na I COPA TAIYO DE BEISEBOL MASTER foi a utilização da bola “K”, cujo material visa assegurar a integridade física dos praticantes.

Ao final do evento, o HOTEL TAIYO ofereceu a todos um jantar muito especial de confraternização, animado pelos cantores EDGAR ISHIDA e ANGELA ISA TOYOTA.

Equipe Infantil de Beisebol da Vargem Bonita no IV Torneio da Amizade São Paulo 2013 | Clube Nipo

IV Torneio da Amizade São Paulo de Beisebol e Softbol

Neste último final de semana, nos dias 14 e 15 de dezembro, foi realizado o IV Torneio da Amizade São Paulo de Beisebol e Softbol no campo auxiliar do estádio Mie Nishi, na capital paulista. Brasília foi representada na categoria infantil de beisebol pelo time da Vargem Bonita e na categoria livre de softbol pela equipe dos Lobos do Cerrado, uns dos times do Clube Nipo.

A equipe da Vargem Bonita venceu seu primeiro jogo contra BHCapitals (Belo Horizonte) e acabou derrotado em um jogo muito equilibrado para a equipe de Gigantes (São Paulo). O atleta Gustavo Nakandakari foi agraciado com a medalha de destaque do torneio pela excelente exibição técnica e liderança dentro de campo. Também foram premiados os atletas Yuri Shinzato como destaque da final e Vitor Lucas Miyahara como jogador mais novo em campo. O atleta Mateus Bonfim recebeu o troféu “Dedicação ao Esporte” pelo seu esforço e determinação na prática do beisebol. É importante destacar e parabenizar os treinadores Marcelo Nakandakari, Ricardo Uema e Shigueru Uema, sem os quais nenhumas dessas conquistas seriam possíveis.

Na categoria livre de softbol, a equipe dos Lobos foram campeões invictos após vitórias sobre os times BHCapitals (Belo Horizonte), Underdogs e Gigantes (São Paulo). Destaque para os atletas Cristiano Nishikawa com a melhor jogada do campeonato e Hideo Mikami eleito o melhor rebatedor com 2 home-runs no torneio.

Em paralelo ao IV Torneio da Amizade São Paulo de Beisebol e Softbol, aconteceram as semi-finais e final da Taça Brasil de Beisebol. Os atletas e acompanhantes da delegação de Brasília puderam acompanhar jogos de altíssimo nível contando inclusive com a participação dos atletas da Major League, André Rienzo (Chicago White Sox) e Yan Gomes (Cleveland Indians). Foram partidas emocionantes onde ao final sagrou-se campeã a equipe do Nippon Blue Jays após difícil partida contra a forte equipe de Atibaia na semi-final após 12 innings (3 prorrogações) e na final, de virada, contra a equipe de Gecebs. Foi uma excelente oportunidade, especialmente para os atletas mais novos, que puderam assistir a memoráveis partidas que com certeza servirão de inspiração para se esforçarem ainda mais nos treinamentos.

Atletas da equipe de beisebol infantil da Vargem Bonita com o jogador do Chicago White Sox, o brasileiro André Rienzo

Atletas da equipe de beisebol infantil da Vargem Bonita com o jogador do Chicago White Sox, o brasileiro André Rienzo

Equipe Lobos do Cerrado | Campeões do IV Torneio da Amizade de São Paulo 2013

Equipe Lobos do Cerrado | Campeões do IV Torneio da Amizade de São Paulo 2013

Atletas dos Lobos com os jogadores profissionais da Major League Yan Gomes (Cleaveland Indians) e André Rienzo (Chicago White Sox)

Atletas dos Lobos com os jogadores profissionais da Major League Yan Gomes (Cleaveland Indians) e André Rienzo (Chicago White Sox)